Davi Loureiro se defende no seu blog e o blog responde


Boa tarde,

O ex-prefeito de São Fidélis, Davi Loureiro, acabou de postar em seu blog uma nota de esclarecimento sobre a sua condenação em 1ª instância, que foi descoberta por este blog aqui.

Como o mesmo fez algumas considerações importantes, coloco aqui minha resposta para suas palavras. O que estiver em itálico em forma de citação foi ele que escreveu e o que estiver em texto comum é minha resposta, só para facilitar o entendimento.

Estou postando essa mensagem para tranqüilizar e esclarecer as pessoas que são simpatizantes e incentivadoras de uma possível candidatura nossa a Prefeitura Municipal.

Os meus adversários  se mostram desesperados com as últimas pesquisas que tem  sido realizadas em nosso município porque nos coloca a frente dos concorrentes, caso eu resolva ser candidato a prefeitura. O desespero é devido a lembrança do nosso nome continuar muito viva na memória do povo, por tudo aquilo que realizamos.

Como todos que acompanham meu blog sabem, não sou vinculado a nenhum partido político, por isso não posso estar desesperado com nenhuma pesquisa eleitoral. Não serei candidato a nenhum cargo político nas próximas eleições. Quem costuma passar por aqui sabe também que estou insatisfeito com a política fidelense como um todo, tanto com o grupo do Sr. Davi Loureiro, quanto com o grupo do atual prefeito Luis Fenemê, que Davi ajudou a eleger. Minha posição política fica muito clara nesta postagem.

Recente sentença judicial da 1º instância e que ainda cabe recurso em instâncias superiores condenou eu e a funcionária do Hospital Ferreira Machado de nome Maria José Boechat Jardim. Esta contratada para atender o povo de São Fidélis em cirurgias e exames, dada a necessidade da população em atendimento na saúde.

O blog deixou muito claro que a condenação ainda era em 1ª instância e que ainda cabia recurso. Deixou claro também que os réus da ação fizeram essa mesma declaração junto ao processo, o que foi inclusive citado pelo juiz em sua sentença, onde ele considerou mesmo assim que a ré poderia ser considerada “funcionária fantasma”, já que não exercia suas funções na Prefeitura de São Fidélis e que ela já recebia para prestar este serviço por parte da Prefeitura de Campos. O juiz questionou inclusive qual seria este atendimento especial a pacientes fidelenses.

Fomos condenados a devolver o salário pago de quatrocentos reais por mês durante o tempo que ficou no cargo que segundo o Ministério Público , ocupou irregularmente.

Na própria sentença o Juiz afasta a possibilidade da minha inelegibilidade, caso eu venha a ser candidato novamente. Reproduzo o trecho da sentença: Entendo que os direitos políticos de David Loureiro Coelho não devem ser suspensos, pois se tratou de contratação de servidora que, sem afastar a absoluta ilegalidade, até possa aquele ter agido em prol da população local. A perda da função pública é inócua e não guarda proporcionalidade, pois o segundo réu não exerce, atualmente, mandato eletivo.

Em nenhum momento, este blog fez alguma informação sobre a impossibilidade do referido réu ser candidato nas próximas eleições. Foram relatadas todas as punições que ambos os réus receberam, sem citar nada em relação a inelegibilidade do ex-prefeito Davi Loureiro.

Podem ficar tranqüilos meus amigos porque se eu submeter meu nome a convenção partidária do  partido e tiver a aprovação do mesmo, não terei problema nenhum em me candidatar a prefeito, vice-prefeito ou vereador em 2012 ou ainda qualquer outro cargo político no futuro.

Seguimos em frente e sempre confiando em Deus. È como diz o Salmos 55:22 – Confia os teus cuidados ao Senhor, e ele te susterá; jamais permitirá que o justo seja abalado.

Vamos recorrer dessa sentença que nos condena unicamente ao pagamento dos salários recebidos, porque entendemos que essa contratação visava pura e simplesmente atender as pessoas mais carentes que não tinham condições de pagar exames e realizar cirurgias no município vizinho em Campos dos Goitacazes e no hospital de São Fidélis, onde muitos desses nem eram realizados e o próprio povo é testemunha disso.

O Sr. Davi Loureiro foi condenado a três coisas:

  1. ressarcimento integral do dano ao erário.
  2. proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de 10 (dez) anos;
  3. multa em uma vez o valor do ressarcimento a ser por ele arcado

Logo a condenação não é somente a ressarcir o pagamento dos salários recebidos.

Sobre o hospital de São Fidélis não atender satisfatoriamente a população, concordo com a afirmação do ex-prefeito, mas gostaria de lembrá-lo que ele era o prefeito e deveria proporcionar uma saúde de qualidade para a sociedade fidelense, preferencialmente dentro da cidade.

Aos meus adversários recomendo que procurem trabalhar, para que na hora que forem candidatos, possam vir a ser vitoriosos pelo o que fizeram em prol da população fidelense e não pelos boatos desesperados que espalham.

Sobre essa afirmação dos adversários procurarem trabalhar, gostaria de dizer ao sr. ex-prefeito que trabalho sim e muito, mas isso nunca irá me impedir de realizar minha função de cidadão de fiscalizar a utilização do dinheiro público. Tenho esse direito como cidadão e nunca vou abdicar do mesmo. Na verdade, considero que se toda a sociedade cumprisse este papel fiscalizador, teríamos um país e uma cidade muito mais justa e igualitária.

Sobre isso ser um boato, o mesmo ex-prefeito afirmou no começo deste texto de que ele havia sido condenado, não podendo negar nenhuma afirmação que foi feita neste blog. Para mim, isto não se encaixa na definição de um boato.

Que Deus os abençoe e não me desampare!

Gostaria de deixar claro que este blog sempre aceitará comentários que não concordem com nossa visão, desde que sejam respeitados os princípios da civilidade e que estes mesmos comentários sejam feitos com e-mails válidos e com nomes reais.

Link do texto do ex-prefeito: http://www.blogdodaviloureiro.com.br/?p=7088

Anúncios

Tags:, , ,

About Rafael Leite

Sou um cara que gosta muito de tecnologia, esportes, política e de ler um bom livro.

3 responses to “Davi Loureiro se defende no seu blog e o blog responde”

  1. Cristiane Lages says :

    Muito bom!

  2. michelle Duarte says :

    Acabei de me mudar para São Fidélis, sou educadora…detesto ficar boiando, gostaria muito de entender a política de São Fidélis, gostei da sua postura no Blog, seu modo de se posicionar…

    • Rafael Leite says :

      Para resumir a situação política da cidade:
      Davi Loureiro foi prefeito por 8 anos, tendo como vice Luis Fenemê. No final do mandato (2008), Davi apoiou a candidatura de Fenemê a prefeitura e conseguiu que ele se elegesse.
      Nas eleições de 2010, os dois brigaram porque Fenemê não quis apoiar Garotinho para Dep Federal. Após isso, a maioria da oposição a Fenemê nas eleições de 2008 se uniu ao prefeito e uma parcela dos aliados de Davi brigou também com Fenemê. Desta forma, tanto a oposição quanto a situação, na minha opinião, traíram os votos de seus eleitores.
      Na câmara de vereadores, 2 vereadores foram eleitos para ser oposição a Davi / Fenemê e 7 eram de situação. Mas as coisas mudam tanto que acredito que todos vereadores atualmente apoiam Fenemê, não tenho certeza disso.
      Segundo dizem algumas noticias recentes, o candidato de oposição a Fenemê em 2008 (Elson Lages) teria se juntado a Davi Loureiro para as eleições desse ano.
      Desta forma, parece que a população fidelense não terá opções de uma oposição de verdade ao grupo político dominante na cidade nos últimos 12 anos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: