Parabéns Zico!


Zico

Zico

Hoje escrevo uma postagem mais que especial para homenagear o maior jogador da história do meu Mengão. Neste 3 de março, Zico completa 60 anos de idade, de amor ao Flamengo.

Eu nunca tive a oportunidade de ver o meu maior ídolo jogar ao vivo em um estádio, nasci exatamente no ano em que ele se aposentou do futebol, onde deu o último adeus para a torcida mais querida do mundo.

Mas mesmo assim ele tem um papel importantíssimo na minha vida, desde que me entendo por gente o tenho como um exemplo de jogador de futebol e de ser humano. Lembro muito bem de uma fita cassete que papai comprou num jornal ou algo do tipo  na Casa e Video (acho que ela até está aqui em casa ainda) com “Os Mais Belos Gols de Zico”. Lembro de bem pequeno, eu devia ter uns 6 ou 7 anos quando saiu, ficar maravilhado com as jogadas do Galinho. Achei o vídeo no Youtube, assista abaixo.

Com o tempo, fui crescendo e aprendendo cada vez mais sobre tudo que ele fez pelo Flamengo, devorei livros, assisti os jogos, documentários, ouvi as histórias contadas pelo meu pai e fui me tornando cada vez mais um fã do Galinho de Quintino. Ele ganhou simplesmente tudo que disputou com o manto sagrado: 509 gols, 1 Mundial, 1 Libertadores, 4 Brasileiros, 7 Cariocas, 9 Taças Guanabara, 3 Taças Rio e vários outros títulos em 732 partidas. Isso sem falar que ele foi o maior artilheiro da história do Flamengo e do Maracanã.

A torcida arco-íris diria que ele era jogador de Maracanã, que nunca ganhou nada com a seleção brasileira, que é jogador de laboratório e outras presepadas de quem não tem torcida, mas respondo isso com uma frase célebre de Fernando Calazans:

Zico não ganhou a Copa do Mundo? Azar da Copa do Mundo.

Outro momento marcante, para mim, foi quando ele voltou para o Flamengo em 2010, eu realmente acreditei que o retorno dele poderia mudar a história do Mengão, poderia trazer o Mais Querido de volta no caminho correto, conquistar novamente o mundo. Mas infelizmente, um falso flamenguista conseguiu destruir esse sonho, com denúncias vazias, tirando o maior rubro-negro de todos os tempos da Gávea e decepcionando toda a Nação. Felizmente, a nova diretoria vem o tratando da maneira correta, dando o devido valor para quem tanto fez pelo clube.

Para mostrar o cara simples que Zico sempre foi, basta ver as declarações de quem conviveu com ele nos tempos de futebol e das personalidades da época:

Zico é o maior exemplo de fidelidade a um clube. É o maior símbolo do Flamengo (Junior)

Zico é o maior jogador do mundo. Há os que negam, cegos pelo óbvio olulante. Mas, se a evidência quer dizer alguma coisa, não cabe dúvida, nem sofisma. (Nelson Rodrigues)

Eu tive o privilégio de participar do mesmo time que o Zico participou…….. Tudo que se fala do Zico, toda homenagem que é prestada a ele é pouco pelo que ele merece. (Leandro)

Adeus, Zico. Nós vascaínos, tricolores, botafoguenses, etc., dormiremos mais tranquilos sabendo que uma falta cometida nas proximidades de nossa área não será tão perigosa assim. Que não teremos de enfrentar os seus dribles, seus lançamentos, suas soluções inteligentíssimas para as jogadas mais difíceis, a sua movimentação que o levava, em frações de segundo, da intermediária à porta do gol e aos gritos de Zico! Zico! Zico!quando você fazia uma das suas e chutava aquelas bolas que tocavam na rede e batiam em cheio em nossos corações. Em compensação, nós, que tanto amamos nossos clubes quanto o futebol, estaremos com as nossas terdes de domingo mais pobres. E, aí, veja que ironia, teremos saudades de você. (Sergio Cabral pai)

Meu maior orgulho é ter convivido com Zico (Jaime, ex zagueiro do Fla)

É o maior exemplo para gerações futuras (Zagalo)

Zico é mais completo do que eu fui……… Ah! se eu tivesse a firmeza do chute de Zico, nem sei o que teria feito no futebol (Dida)

Zico foi o maior jogador brasileiro que vi em ação. Pelé, Garrincha e Puskas foram “três monstros”, claro. Mas na época do Zico, ninguém foi melhor. (Lico, ex-jogador da Era Zico)

Zico foi o líder do melhor time que vi jogar. Ele é um mito e não haverá outro como ele. (Romário)

Há pouco tempo tive a oportunidade de conhecer Andrade e Rondinelli, jogadores marcantes da época de Zico no Flamengo e posso afirmar que eles tem um orgulho muito grande de terem feito parte dessa história e uma admiração grande por ele.

Para finalizar deixo a mais bela música composta sobre Zico, de Moraes Moreira.

Parabéns Zico e muito obrigado por tudo que você fez pelo meu Mengão.

P.S.: para finalizar deixo algumas recomendações sobre o que ler / assistir sobre Zico:

  • DVD Zico na Rede;
  • DVD Os Heróis de uma Nação;
  • Programa Loucos por Futebol especial exibido ontem na ESPN Brasil (devem ter reprises e pode aparecer no Youtube);
  • VHS Os mais belos gols de Zico (ou no Youtube mesmo);
  • Livro 1981 – O Ano Rubro-Negro de Eduardo Monsanto, pela editora Panda Books;
  • Livro Zico: Uma Lição de Vida de Marcus Vinicius Bucar Nunes, pela editora Thessaurus;
Anúncios

Tags:, , ,

About Rafael Leite

Sou um cara que gosta muito de tecnologia, esportes, política e de ler um bom livro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: